MENU

Copacabana: (21) 2522-5050 | Largo do Machado: (21) 2557-5115 | Centro: (21) 2263-2725 | Tijuca: (21) 2284-2799 | Barra: (21) 3647-3313

Blog

acido hialurônico na ATM

  • 18
  • 12
  • 2015

O ácido hialurônico é um polímero natural da família dos glicosaminoglicanos (mucopolissacarídeo), constituinte importante da matriz extracelular; e que está presente em concentrações particularmente elevadas nas cartilagens e no líquido sinovial. Essa substância apresenta propriedades analgésicas e anti-inflamatórias. Portanto, a solução viscoelástica de hialuronidato de sódio (HS) tem sido frequentemente utilizada em cirurgias ortopédicas, como artroscopias e artrocenteses, com função de antiadesão. Além disso, sua efetividade promove a proteção da superfície articular durante esses procedimentos e favorece a visualização do campo por controle dos debris e hemorragia. A viscosuplementação é a injeção de ácido hialurônico exógeno nas articulações diartrodiais, visando restaurar as propriedades reológicas do líquido sinovial, com objetivo mecânico, analgésico, anti-inflamatório e condroprotetor. O AH é um polissacarídeo de alta viscosidade naturalmente produzido pelas células B da membrana sinovial. Do ponto de vista bioquímico, é classificado dentro dos grupos dos glicosaminoglicanos (GAG’s). Comporta-se, sob condições fisiológicas, como um sal, sendo, portanto, também denominado de hialuronato de sódio, ou hialuronano Suas propriedades fisicoquímicas são determinadas por sua massa molecular e conformação espacial. As moléculas de alto peso molecular de AH se entrelaçam, formando uma solução de alta viscosidade, que serve tanto como lubrificante quanto como amortecedor de choques.
Antes da proposta de injeção intra-articular de HS, preconizava-se a utilização de soluções de corticoesteróides, já que, ao exame, as articulações apresentavam características e sintomas inflamatórios
A maioria dos trabalhos demonstra, então, a melhora dos resultados clínicos com o uso de HS na articulação. Para que a ATM execute os diversos movimentos mandibulares, deve prevalecer a associação do bom funcionamento das estruturas que compõem a articulação (superfícies articulares, disco, líquido sinovial). Além disso, o líquido sinovial deve possuir bastante elasticidade e viscosidade para proteger as superfícies articulares tanto do osso quanto do disco. Como o HS é uma substância natural produzida no fluido sinovial, e está em quantidade abundante na cartilagem e no líquido articular, acredita-se que a substituição do HS dentro do espaço articular pode favorecer a estrutura sinovial e diminuir a doença articular.